AGILIDADE

A Secretaria de Segurança Pública do Paraná está agindo rápido e com eficiência para punir os responsáveis pelo quebra-quebra dentro e fora do Estádio Couto Pereira, no domingo. O secretário Luiz Fernando Delazari anunciou  nesta terça-feira a prisão do segundo torcedor suspeito de envolvimento na confusão. O torcedor, ainda sem identidade revelada, está detido no Cope (Centro de Operações Policiais Especiais) da Polícia Civil e foi identificado por fotos e vídeos. Cerca de 20 torcedores foram interrogados pelo polícia. Com base nas imagens, Gilson Santos, de 20 anos, foi identificado e detido. Ele teria agredido o policial Luiz Ricardo Gomide, que deixou o gramado do Couto Pereira desacordado.

Solução

A secretaria também está divulgando fotos dos envolvidos no vandalismo e pedindo ajuda da população para identificar os torcedores para que sejam presos. Delazari está defendendo o fim das torcidas organizadas como forma de coibir a violência nos estádios.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder