Mesmo sem acordo, governo quer votar mínimo

A novela do salário mínimo teve mais um capítulo hoje, mas sem final feliz. Depois de uma reunião com sindicalistas para tratar do valor do salário mínimo em 2011, ministros do governo Dilma Rousseff indicaram nesta sexta-feira que manterão a proposta de R$ 545 para este ano, ainda que não fechem acordo com os trabalhadores e que tenham de levar a decisão final para embate no Congresso.  Governo e centrais sindicais encerraram sem acordo a segunda rodada de negociações sobre o reajus te do salário mínimo para 2011. O encontro durou três horas. Em uma primeira reunião realizada em janeiro, as centrais apresentaram o pedido de reajuste do mínimo para R$ 580 e a correção da tabela do IR em 6,47%. O governo ainda não apresentou sua proposta de índice de correção do IR.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder