CPI do radar é sepultada

A retirada de 3 assinaturas da CPI dos radares sepultou de vez a chance de deslanchar a investigação. Três vereadores – Jair Cézar (PSDB), Denílson Pires (DEM) e Professor Galdino (PSDB) – retiraram o apoio à instalação da CPI. Se já estava difícil conseguir as 13 assinaturas, agora está praticamente descartada a ideia. O documento só tem 8 assinaturas agora.
O ato de retirar assinaturas apoiando a criação de CPIs tornou-se um hábito no legislativo brasileiro. Um hábito feio.
A assinatura é mais que a palavra dada. Mas os parlamentares insistem em transmitir para a população que nem a palavra e nem a assinatura possuem valor, já que podem ser apagados de um dia para outro, sem qualquer justificativa plausível.
Um exemplo sempre ruim.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder