CORTE DAS DESPESAS PODE SER INFERIOR A R$ 55 BILHOES

Visando um crescimento entre 4% a 5% para este ano, o governo estuda diminuir o corte das despesas orçamentárias de 2012. Cogitava-se um corte de R$ 60 bilhões, no entanto, o governo avalia se o corte anteriormente previsto não seria muito severo, a ponto de comprometer a expansão do PIB (Produto Interno Bruto). Dessa forma, vem se negociando o corte igual ou inferior a R$ 55 bilhões, assim como, estudam-se novas reduções da taxa de juros, o que também deve ser relevante para o atingimento da meta estipulada. A presidente Dilma Rousseff dará a última palavra.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder