EVANGÉLICOS x ELEONORA MENICUCCI

A bancada evangélica no Congresso se une contra a  ministra de Eleonora Menicucci, que toma posse nesta sexta-feira (10), na Secretaria de Políticas para as Mulheres. A participação da ministra no Fórum Social, juntamente com o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, sobre a questão do aborto, causou revolta na bancada dos parlamentares ditos evangélicos. “Não se iludam, a bancada de evangélicos se unirá não só para expressar a repulsa por essas declarações de Gilberto Carvalho, assim como para combater a abortista que nomearam ministra”, afirmou o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), convocando os evangélicos a combaterem a nova ministra. “Essa posse da abortista amanhã (sexta-feira) é sintomática para todos nós e devemos mostrar de forma contundente a nossa revolta. Aborto não. Aliás, quando a gente lê várias declarações dessa nova ministra, ela está no lugar e na época errada, devia estar em Sodoma e Gomorra”, completou Cunha. A Ministra esclareceu que não se trata de uma posição do governo e que sua percepção pessoal sobre o tema não representará mudança na posição do governo sobre o tema. A reação da bancada evangélica parece mais política. O governo Dilma não deverá cair nesse debate.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder