NOVA REGRA PARA APOSENTADORIA DE SERVIDOR É APROVADA NA CÂMARA

No começo do ano, Dilma Rousseff estabeleceu como prioritária a mudança no regime de aposentadoria do servidor público, que prevê igualar o servidor público ao trabalhador da iniciativa privada. Desta forma, os servidores públicos receberão aposentadoria até o teto do INSS, que atualmente é de R$ 3,9 mil, e caso queiram um vencimento maior, terão que contribuir para a previdência complementar. O objetivo do projeto é acabar com o rombo de quase R$ 60 bilhões na previdência dos servidores. O texto principal do projeto foi aprovado ontem, terça-feira (28), na Câmara e cria até três fundos de previdência complementar para o funcionalismo (Funpresp). Foram 318 votos a favor e 134 contra. Nesta quarta-feira(29) seriam analisados os destaques do projeto e a votação será encerrada na Câmara, para então seguir para o Senado.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder