SEM ACORDO, ESPAÇO DO PSD EM COMISSÕES SERÁ DECIDO POR MARCO MAIA

A negociação sobre o espaço do PSD nas comissões permanentes da Câmara dos Deputados não teve êxito entre líderes partidários e parlamentares. Assim, Marco Maia (PT-RS), presidente da Casa, terá que decidir o número e quais comissões o novo partido comandará. “Havendo entendimento, vamos encaminhar a composição das comissões. Não havendo acordo até amanhã, eu vou arbitrar essa questão e vou tomar uma decisão”, afirmou Maia. O PSD possui a terceira maior bancada da Câmara e propôs ser o terceiro a escolher as comissões que deseja presidir. No entanto, a proposta foi vetada pelos demais líderes de partidos. “Seriam criadas comissões e nós não poderíamos escolher quais queríamos. Queríamos que fosse respeitada a proporcionalidade” argumenta Guilherme Campos (SP), líder do partido na Câmara. Já os demais partidos, defendem que a ordem de escolha permaneça a mesma que era antes da criação do PSD, ou seja, o partido seria acomodado nas novas comissões. Segundo o deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), Marco Maia deve tomar a decisão a partir do dia 27 de fevereiro. Desta forma, vários projetos de lei ficarão parados, uma vez que, as propostas são apreciadas na Comissão de Constituição e Justiça e em comissões de área relacionada, antes de irem para votação no plenário da Câmara.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder