BOM EXEMPLO: VEREADOR DEVOLVE DINHEIRO

Matéria do Jornale

BOM EXEMPLO

Vereador citado em denúncias devolve dinheiro

Seg, 30 de Abril de 2012 18:14
Francisco Garcez (PSDB) vai depositar R$ 31.500 mil em juízo

O presidente do Conselho de Ética da Câmara Municipal de Curitiba, vereador Francisco Garcez (PSDB), afirmou nesta segunda-feira (30) que vai depositar em juízo R$ 31.500, 00. O valor, de acordo com Garcez, corresponde à verba que o jornal dele, Jornal Folha do Boqueirão, recebeu para divulgação de publicidade do legislativo municipal nos últimos anos.

Além disso, o presidente convocou uma reunião do Conselho para uma reunião na quarta-feira (2), às 14h30, quando deve ser realizado um plebiscito entre os integrantes para avaliar de Garcez fica ou não no cargo.

“Se o Conselho achar que devo me afastar, aceito prontamente(…) Eu não me sinto a vontade, por isso, quero me colocar a disposição”, afirmou o vereador. Ainda de acordo com o parlamentar, ele não se beneficiou do esquema praticado pela Câmara de Curitiba para veicular propaganda em veículos de comunicação regionais.

A série “Negócio Fechado” do jornal Gazeta do Povo e da RPC TV mostrou que em abril de 2011, dois anos após Garcez assumir o mandato, o periódico Jornal Folha do Boqueirão emitiu três notas fiscais, em sequência e em um único dia, para a Câmara totalizando R$ 14 mil.

Garcez disse que se afastou da direção do jornal assim que assumiu, porém, uma alteração no contrato da empresa mostra que ele transferiu a sociedade para outra pessoa dois meses após as primeiras denúncias de irregularidades no legislativo se tornarem públicas, em 2011.

“Houve uma falha técnica, uma barbeiragem administrativa. Esse é meu crime, eu não fui beneficiado”, argumentou o vereador.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder