Briga no horizonte: Fábio Camargo recusado na OAB

Deu na Gazeta do Povo desta terça-feira a publicação da decisão da OAB do Paraná sobre o óbice para que Fábio Camargo concorra ao quinto constitucional da advocacia.
A decisão da OAB-PR pode ser objeto de recurso ao Conselho Federal ou atacada diretamente no Judiciário, escolha que Fäbio Camargo terá que fazer e certamente o fará, pois é pouco provável que aceite a situação sem nenhuma briga.
Sob o aspecto jurídico, a situação não é pacífica.
O Jogo do Poder já havia informado a situação e acompanhará os seus desdobramentos.

Jonathan Campos / Gazeta do Povo
 Jonathan Campos / Gazeta do Povo / Fabio Camargo não comprovou dez anos de exercício profissionalFabio Camargo não comprovou dez anos de exercício profissional
JUDICIÁRIO

OAB barra candidatura de Fabio Camargo ao TJ

6
Publicado em 01/05/2012 | DA REDAÇÃO
O deputado estadual Fabio Camargo (PTB) não foi aceito pela seção paranaense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) como um dos candidatos ao cargo de desembargador no Tribunal de Justiça (TJ) do Paraná. A lista de candidaturas deferidas e indeferidas foi publicada no Diáro Oficial do Paraná na última sexta-feira.
Pela lei brasileira, a cada cinco vagas de um tribunal, uma deve ser ocupada por pessoas de fora da magistratura: metade cabe a representantes da advocacia e a outra metade a integrantes do Ministério Público. No caso da vaga de desembargador destinada a advogados, a OAB é encarregada de fazer a seleção prévia dos candidatos que disputam o cargo.
Para a vaga atualmente em disputa no TJ, aberta com a aposentadoria do desembargador Oto Sponholz, 35 advogados se candidataram. Dessas candidaturas, 26 foram aceitas e nove foram indeferidas. Agora, os candidatos têm até sexta-feira para apresentar recursos. Depois, será realizada a eleição entre os advogados e uma lista sêxtupla será enviada ao governador Beto Richa (PSDB), a quem cabe a decisão final.
Exercício profissional
De acordo com o presidente da OAB estadual, José Lúcio Glomb, a candidatura de Fabio Camargo não foi aceita porque ele não conseguiu comprovar dez anos de exercício profissional efetivo – um dos pré-requisitos para poder participar da disputa. “São critérios objetivos que precisam ser atingidos”, afirma Glomb.
Formado em Direito pela Universidade Tuiuti, o deputado, de 39 anos, tem mandatos eletivos desde 2000. Foi vereador e deputado estadual. Em suas credenciais como candidato a desembargador, incluiu consultorias que teriam sido dadas verbalmente e a atividade legislativa.
No entanto, a OAB exige a apresentação de petições, defesas e outros documentos que comprovem a participação como advogado em processos judiciais. A reportagem procurou o deputado ontem para comentar o tema, mas não conseguiu encontrá-lo por telefone.
Tudo sobre o caso em postagens anteriores:
20.03.2012

Fabio Camargo fora da disputa na OAB para o TJ

A Ordem dos Advogados do Brasil achou uma forma para evitar que o nome do Deputado Fábio Camargo fosse submetido ao Conselho da entidade na disputa pela vaga dos advogados no Tribunal de Justiça do Paraná no quinto constitucional.
Cassou a inscrição do deputado na OAB utilizando-se de um processo que tramitava na entidade, instaurado em razão de uma denúncia dando conta de que Fábio teria exercido a advocacia enquanto estava nomeado num cargo no Tribunal de Justiça, cujo exercício era incompatível com a advocacia.
A decisão da OAB é administrativa e comporta recurso na própria entidade e também pode ser atacada por meio de medida judicial, pois Fábio alega que não lhe foi assegurada a ampla defesa.
Fábio Camargo promete revelar detalhes da CPI das falências na tribuna da Assembléia Legislativa.
O episódio promete desdobramentos.

Leia mais:

Sexta-feira, 9 de março de 2012
Lista da OAB/PR para o TJ: Fabio Camargo

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seção do Paraná, torna público que recebeu os pedidos de inscrição abaixo relacionados, para o processo de formação de lista sêxtupla para provimento de 1 (uma) vaga de Desembargador destinada a advogado no Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, pelo quinto constitucional, decorrente da aposentadoria do Desembargador Oto Luiz Sponholz, objeto dos autos sob nº 83/20112.
Os inscritos que vão se sujeitar seus nomes ao Conselho da Ordem são:
1. 20163-Alexandre Hauly Camargo, 2. 17398-Altimar Pasin de Godoy, 3. 15190-Arlete Terezinha de Andrade Kumakura, 4. 16190-Cármen Sílvia Marcon Garmendia de Borba, 5. 14981-Claudete Carvalho Canezin, 6. 16746-Clovis Pinheiro de Souza Junior, 7. 14778-Dely Dias das Neves, 8. 27895-Fabio de Souza Camargo, 9. 27227-Fabio Malina Losso, 10. 11888-Ivan Aparecido Ruiz, 11. 26050-Javert Ribeiro da Fonseca Neto, 12. 22881-João Guilherme Collita, 13. 13901-José Devanir Fritola, 14. 06236-José Hipólito Xavier da Silva, 15. 33620-Lincoln Tadeu Cerkunvis, 16. 19643-Luiz Renato Costa Amorim, 17. 16583-Márcia Carla Pereira Ribeiro, 18. 28922-Marcio Antonio Sasso, 19. 17536-Marcione Pereira dos Santos, 20. 16300-Marcos José Chechelaky, 21. 09604-Margareth Zanardini Moreira, 22. 08835-Mariá Lacris Chipilovski Silva, 23. 12535-Muiraquitan Sá Chaves, 24. 14457-Munir Abagge, 25. 17676-Olívio Horácio Rodrigues Ferraz, 26. 26749-Paulo César Gradela Filho, 27. 45108-Paulo Silas Taporosky, 28. 22909-Ramon de Medeiros Nogueira, 29. 29172-Reginaldo Antonio Koga, 30. 26295-Sandro Pinheiro de Campos, 31. 14293-Tamar Nanci Christmann, 32. 18877-Vicente Paula dos Santos, 33. 22572-Vilson Zanella Gudoski, 34. 29216-Wolmir Cardoso de Aguiar, 35. 21905-Zuleika Loureiro Giotto.

Uma lista com bons nomes e que promete uma boa disputa. O Conselho da Ordem escolherá 6 nomes que serão submetidos ao Pleno do Tribunal de Justiça para a escolha dos 3 que serão submetidos ao governador Beto Richa para a escolha do novo desembargador.
Fábio Camargo, advogado, deputado estadual e apresentador de programa de televisão na CNT, ainda nessa semana anunciou que existia a possibilidade de concorrer como candidato a prefeito de Curitiba pelo PTB.

TERÇA-FEIRA, 6 DE MARÇO DE 2012

O deputado estadual Fábio Camargo afirmou no @jogodopoderpr, textualmente: “vou buscar minha candidatura nas prévias do PTB pra mais uma vez ser candidato a prefeito de CTBA como em 2008”.
Camargo foi provocado pelo @jogodopoderpr quando afirmava que gostaria de participar do processo eleitoral e postou a resposta de que vai buscar a candidatura dentro do PTB.
Se lograr êxito na sua empreitada Fábio passa a ser mais um postulante ao cargo de Prefeito de Curitiba, que já exerceu interinamente quando era Presidente da Câmara de Vereadores de Curitiba e passa a integrar um elenco bastante jovem, que já conta com Fruet, Ratinho Jr, Rafael Greca e o próprio Prefeito Luciano Ducci.
O Jogo do Poder já havia antecipado a possibilidade de Fábio Camargo apresentar-se como candidato pelo PTB.

06/01/2012
10 candidatos a prefeito em Curitiba. Ficam quantos?

Todo ano eleitoral é a mesma coisa. Surgem nomes de todos as legendas se apresentando como candidato a prefeito. Atualmente, Curitiba tem uma dezena de pré-candidatos. O PT tem 3 – Angelo Vanhoni, dr. Rosinha e Tadeu Veneri. Mas tende a ficar sem nenhum se for consolidada a aliança com o PDT para apoiar Gustavo Fruet (PDT).
Para enfrentar o atual prefeito Luciano Ducci (PSB), se colocam ainda o ex-prefeito Rafael Greca (PMDB), o deputado federal Ratinho Júnior (PSC), o deputado estadual Fábio Camargo (PTB), a vereadora Renata Bueno (PPS) e o deputado estadual Roberto Accioly (PV).
Embolados, segundo as pesquisas, está o trio Fruet, Ratinho e Ducci. É ali que a disputa deve se concentrar, embora aliados de Ratinho não descartam a desistência dele para apoiar Ducci ou Fruet.

19/12/2011
PESQUISA ANIMA PRÉ-CANDIDATOS À PREFEITURA DE CURITIBA

Os pré-candidatos mais bem colocados na pesquisa de intenção de votos na disputa pela prefeitura de Curitiba comemoraram os resultados, independente do porcentual alcançado. Mesmo com o levantamento da assinalando empate técnico entre os três principais concorrentes, o ex-deputado federal Gustavo Fruet (PDT) leva uma pequena vantagem sobre o deputado federal Ratinho Júnior (PSC) e o atual prefeito, Luciano Ducci (PSB). São as pesquisas internas dos partidos e pré-candidaturas que neste momento servem mais para estimular as posições partidárias e as próprias candidaturas.

28/10/2011
RATINHO Jr. DESPONTA EM PESQUISAS

A grande surpresa na disputa a prefeitura de Curitiba, continua sendo Ratinho Junior (PSC). Aparentemente ganhou toda a simpatia que as classes C, D e E têm por seu pai, o apresentador de TV Ratinho. Para comprovar isso, dois institutos de pesquisa de opinião pública locais, o Souza Lopes e o Paraná Pesquisa, têm dados muito relevantes sobre as intenções de votos para 2012. Os institutos não revelaram as porcentagens, mas Ratinho Junior é apontado como forte candidato.

03/05/2011
Mais uma pesquisa esquenta sucessão em Curitiba

Nova pesquisa divulgada pelo Instituto Paraná Pesquisas/Gazeta do Povo foi divulgada. A pesquisa deu vantagem ao ex-deputado federal Gustavo Fruet (PSDB), que aparece na frente em todos os cenários. Na estimulada, Fruet tem 24%, a Senadora Gleisi Hoffmann (PT) aparece com 21% e o prefeito Luciano Ducci (PSB) com 12%. Aparecem ainda na pesquisa o deputado federal Ratinho Jr. (PSC), com 15%, Rafael Greca (PMDB), com 5,9% e Fábio Camargo (PTB), com 5,7%. O resultado da nova pesquisa praticamente reproduz o da CNT/SENSUS que veio foi divulgada na segunda-feira e mostra um quadro de oportunidades, estimulante as candidaturas. Ao incluir os nomes de Gleisi Hoffmann como candidata mutila um pouco o levantamento na medida em que a Senadora tem negado de modo veemente sua candidatura, tal como fez no Jogo do Poder, pela Rede CNT, no inicio do ano. Fabio Camargo anunciou que deve mudar de partido, deixando o PTB para o PSD, que tem como um dos organizadores o deputado estadual Ney Leprevost, sabidamente pretendente a uma candidatura a prefeito de Curitiba e com precedencia em relacao ao pleito de Fabio.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder