Corte na Câmara

Vereadores preocupados com a diminuição da estrutura justamente em ano eleitoral. A Câmara Municipal de Curitiba terá que demitir 204 funcionários comissionados para se adequar a uma recomendação do Ministério Público do Paraná (MP-PR), segundo a qual o número de comissionados não pode superar o de servidores efetivos. A orientação do MP está baseada em uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). O Legislativo municipal tem, atualmente, 507 funcionários em cargos comissionados, contra 236 servidores efetivos.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder