ESCOLINHA: REQUIÃO DIZ QUE ESTAVA CERTO

O senador Roberto Requião está comemorando a decisão do CNJ que, na segunda, determinou a aposentadoria compulsória do desembargador do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Edgard Antônio Lippmann Júnior, por participação em esquema de venda de decisões judiciais. Em seu comentário no rádio, Requião acusou Lippmann de querer tolher sua liberdade de expressão: “Ele dizia que eu cometia crimes quando denunciava mal feitos dentro do meu governo e de governos anteriores. Dizia que eu estava tomando uma postura ideológica quando combatia o roubo, o bingo. Este desembargador me tirou do ar, fixou multas, porque queria me impedir a liberdade de expressão. Hoje ele está afastado e eu estou aqui no Senado da República fazendo a mesma coisa, com a mesma garra, com a mesma força”.
Ainda é cedo para comemorações, pois Lippmann ainda pode ir ao STF para tentar mudar a decisão.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder