Greve na campanha

Greves em época eleitoral não são novidade no país e no Paraná, no período de campanha é comum. Não surpreendeu a decisão dos sindicato dos professores e funcionários da rede estadual de ensino de fazer uma paralisação nesta quinta-feira para pressionar o governo a conceder reajuste salarial. Os sindicalistas esperam a adesão dos 83 mil professores e 28 mil funcionários do estado, que trabalham em 2.139 escolas e atendem mais de 1,3 milhão de estudantes. A greve não deve ter resultados positivos, já que o governo já adiantou que uma decisão judicial proíbe reajustes porque o estado já está no limite de gastos com pessoal.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder