BASE GOVERNISTA TRAVA CPI DO CACHOEIRA


Foi impedida, nesta quarta-feira (31), pela base governista na CPI do Cachoeira a votação de novas quebras de sigilo bancário, fiscal e telefônico, assim como pedidos de convocação. A base também apresentou requerimento para prorrogar os trabalhos por 45 dias. Portanto neste período, somente será discutido pela CPI o relatório final do deputado Odair Cunha (PT-MG), que irá apresentar seu texto no dia 20 de novembro. A intenção da oposição era conseguir prorrogar a CPI por mais 180 dias, o que possibilitaria avançar nas investigações, no entanto, já admite que não há como conseguir o apoio de 171 deputados e 27 senadores para que prorrogação aconteça.


A rigor, depois das férias eleitorais de todos e da falta de compromisso com a apuração, o que restou realmente foi o relatório do Retator e que deve ser enviado ao Ministerio Publico e a Policia Federal para que caminhem no que interessa. Afinal, o Congresso Nacional não é delegacia de policia.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder