RAFAGNIN AFIRMA QUE PARANÁ ESTÁ SENDO MAL GERENCIADO

A deputada Luciana Rafagnin, líder da bancada do PT na Assembleia Legislativa, criticou a determinação de corte de 20% nas despesas da administração estadual com pessoal e encargos, materiais de consumo, serviços de terceiros e manutenção. A determinação foi do governador Beto Richa (PSDB), por meio de decreto, assinado no último dia 19. “Acredito ser importante economizar nas repartições públicas, assim como cuidamos dos gastos em nossa casa, mas cortes em abastecimento de água e energia elétrica afetam diretamente os serviços nos postos de saúde”, disse Luciana. Para a deputada, o governador não conseguiu economizar em despesas que não afetem serviços essenciais à população, simplesmente porque “o estado está sendo mal gerenciado”, completou a líder petista.
O racionamento pretendido pelo Governo do Estado parece adequado e é pouco razoável imaginar que irá atingir os serviços essenciais com falta de água, mas a crítica da deputada quando o desempenho do Governo, após 2 anos de mandato, não está muito longe da realidade. Até aqui, de fato, é uma gestão de poucas realizações e que conduziu a um quadro de desgaste da imagem do governador muito rápido.
A prova mais eloqöente é a derrota na eleição de Curitiba, onde o elemento propulsor da candidatura era o Governador Beto Richa.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder