Resenha das Revistas Veja, Istoé …

As três revistas semanais, como não poderia deixar de ser, formam um imenso bloco de gelo editorial. Notícias frias se misturam a poucas notas mornas especulativas e dão o tom dos acontecimentos na semana de ressaca pós eleições.

Veja nos brinda novamente com uma grande foto na capa do “criativo” publicitário Marcos Valério. Dessa vez, o caso Celso Daniel volta a superfície por meio de um depoimento dado, às escondidas, ao Ministério Publico Federal. Em troca de proteção pessoal e redução da pena, nessa semana Valério deu início a “Operação Dedo Duro” e apontou a metralhadora giratoria para Lula e Gilberto Carvalho. Diz ele que o PT teria solicitado uma “suculenta colaboração financeira” para o então empresário do setor de coleta de lixo de Santo André, Ronan Maria Pinto, apontado pela Justiça como o arrecadador financeiro do esquema de corrupção da prefeitura do ABC paulista. Isso foi no início dos anos 2000 e o pedido, segundo Valério, foi negado por ele pessoalmente ao então secretario do PT Silvio Pereira (o Silvinho mensaleiro que escapou das garras do STF). Na versão do publicitario, Carvalho e Lula não apenas sabiam como davam carta branca para que Ronan atuasse em nome do PT. Ou seja, agora que está com o pé na covaValérioA coluna Holofote diz que Dilma e Gleisi já acertaram a saída da ministra até 2014, quando a paranaense devera concorrer ao de governo do estado. O substituto, inclusive, já teria sido escolhido e trata se de Luís Inácio Adams (advogado geral da União). No mais, o repique das eleições americanas, o bangue bangue paulista em que a bandidagem sempre leva a melhor em cima da PM e a cidade de Nova Iorque após a indesejada visita de Sandy e sua fúria ! 

Época pergunta na capa quem é melhor para o Brasil: Obama ou Romney, com considerável puxada de sardinha para o atual presidente. Para a revista, Obama seria menos rígido nas críticas à flutuação cambial brasileira, facilitaria a obtenção de vistos de entrada nos EUA e favoreceria a importação de etanol do Brasil. O principal editorial de Época é dedicado aos “apagões e apaguinhos” das últimas semanas e repete um alerta rotineiro no setor elétrico – o risco de o governo ter exagerado na dose da redução das tarifas de energia sob pena de comprometer investimentos estruturais.  A coluna de Felipe Patury relata a reengenharia ideológica do PSDB para voltar ao poder em 2014 e fala da enorme campanha publicitária que a indústria do café prepara para a Copa das Confederações, Copa do Mundo e Olimpíadas. A revista traz ainda anúncio de página dupla em que a GE alardeia seus investimentos em energia eólica.

Já a IstoÉ, com uma semana de atraso em relação às concorrentes, aborda na capa a renovação das lideranças do PT referendada pelas urnas, em matéria que dá grande destaque à paranaense Gleisi Hoffmann.  Dito e feito, aproveitem todos o merecido descanso e NAO CONSUMAM NADA COM MODERAÇÃO

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder