Curitiba: Galdino dormindo com o inimigo

O ex-vereador Zezinho do Sabará (PSB) quer retornar à Câmara de Curitiba e tem chance porque é  primeiro suplente de sua coligação. Com a brecha dada pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), que pediu a cassação imediata do vereador Professor Galdino (PSDB), Sabará vai atrás da vaga.
Ele entrou nesta segunda-feira com pedido para ficar com a cadeira de Galdino, que foi  condenado por crime eleitoral.
O presidente da Câmara, Paulo Salamuni (PV), encaminhou a solicitação à procuradoria jurídica da Casa, que vai analisar o pedido.
Com esse companheiro de partido Galdino não precisa de mais nenhum inimigo.
É provável que a Justiça Eleitoral mitigue a solução preconizada pelo Ministério Público na medida em que parece totalmente desproporcional aplicar a perda de mandato para quem cometeu uma falta que muito bem poderia ser apenada com apenas uma multa mais severa.
O argumento da defesa e que Galdino não foi regularmente intimado no processo que resultou na sua condenação, via pela qual a Justiça Eleitoral poderá evitar que a vontade do eleitor curitibano, que deu ao o vereador uma votação expressiva,  não seja tão contrariada.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder