Pressão popular sobre Renan?

Embora não se tenha levantamentos estatísticos sobre a eleição de Rena, há quem esteva disposto a fazer com que a população não fique disposta a não ficar calada diante do que não aprova. Mais do que isso, o poder das redes sociais vem se revelando instrumento de pressão e movibilização. O movimento “Fora Renan”, que pede a cassação do presidente de Senado, Renan Calheiros (PMDB), atingiu um milhão de assinaturas, às 15h26 desta sexta-feira. Os organizadores da iniciativa esperam que assim que o abaixo-assinado consiga 1,360 milhão de signatários (equivalente a 1% do eleitorado nacional) a proposta passe a ter força de lei de iniciativa popular. Calheiros assumiu a presidência do Senado no dia 1º de fevereiro, cinco anos depois de ter renunciado ao posto para evitar a cassação. Além da cassação de Renan, o abaixo-assinado pede ainda que a Câmara dos Deputados e o procurador-geral da República acabem com o voto secreto e que “garantam que votações como esta não sejam alvo de influências sujas”.
Por enquanto é um movimento de gabinete e computador que não terá nenhuma ressonância no Senado.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder