Governadores: Richa quer cobrar Dilma olho no olho

Ficou definido na reunião do governador Beto Richa e outros 17 governadores nesta terça-feira, em Brasília, que além de uma pauta de reivindicações que será levada ao Congresso Nacional em defesa de um novo pacto federativo, o grupo quer mais. 

Eles querem levar o descontentamento conjunto diretamente numa audiência com a presidente Dilma Rousseff (PT). “Queremos levar as angústias dos Estados brasileiros”, disse Richa.

TERÇA-FEIRA, 12 DE MARÇO DE 2013

Beto Richa se destaca: Governadores reunidos para reinvindicar

Governadores de 20 estados brasileiros estiveram nesta terça-feira, reunidos no escritório de representação de Santa Catarina, em Brasília.
Eles discutiram temas como a reforma tributária, desoneração de impostos em produtos e o repasse de recursos para estados e municípios.
A reunião é preparatória ao encontro nesta quarta-feira, 13, ás 11h, no Salão Nobre do Congresso Nacional, com os presidentes da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, e do Senado Federal, Renan Calheiros.
No encontro, o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), cobrou mais dinheiro para os estados. “Não é possível que a União concentre 70% dos recursos e os Estados e municípios continuem a esperar os repasses que são insuficientes.
É preciso que Estados e municípios tenham uma parte melhor do bolo tributário”, disse Beto Richa.
É o blá, blá, blá de todo governador desde que a democracia foi reconquistada, eis que antes ninguém ousava reclamar do presidente militar de plantão.
É fato que até hoje os partidos que chegaram à presidência da república, PMDB, PRN, PSDB e PT, não enfrentaram a questão.

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder