PAULO BERNARDO CONFIRMA GLEISI

O ministro Paulo Bernardo (PT) aproveitou sua passagem pela Assembleia para lançar dois nomes como pré-candidatos a governador, caso sua mulher, a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, desista de disputar o governo.
Portanto, se nada de errado acontecer, Gleisi será candidata ao Governo do Paraná.
A desistência só ocorreria se a presidente Dilma Rousseff não abrir mão de Gleisi no ministério, ou seja, pedisse para Gleisi ficar.
Aó começa o jogo de empurra. Paulo Bernardo apontou o deputado federal Angelo Vanhoni (PT) e o ex-senador Osmar Dias (PDT) como alternativas, uma espécie de “plano B”.  Já Vanhoni citou o próprio Paulo Bernardo como pré-candidato a governador também, além do deputado federal André Vargas (PT).
O ministro relembrou sua história em 2008, quando teve que abrir mão de disputar a reeleição para deputado federal porque o ex-presidente Lula pediu que continuasse no Ministério do Planejamento.
Pode acabar sobrando para Requião. Incrível?

TWITTER: @jogodopoderpr

FACEBOOK: JP Jogo do Poder