PARANÁ: ENCONTRO DO GOVERNO FEDERAL COM PREFEITOS SURPREENDEU ORGANIZADORES

Um encontro reuniu nesta sexta-feira prefeitos e secretários municipais dos 399 municípios paranaenses e contou com a presença dos ministros Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Ideli Salvati (Relações Institucionais) e Alexandre Padilha (Saúde). Durante o evento, promovido pelo governo federal em parceria com a AMP, as prefeituras receberam atendimento individualizado em relação aos programas e projetos do governo federal.
A articulação entre os governos federal, estadual e prefeituras foi destacada por Flávio Arns, que também compareceu no encontro. “Para termos sucesso em qualquer área de atuação, temos que somar esforços. Esperamos que esse encontro traga bons frutos para os municípios e, consequentemente, para o nosso estado”, afirmou.
“Queremos que essa parceria seja cada vez mais fortalecida. União, estados e municípios, estamos todos unidos no mesmo desafio de dar resposta à população”, disse a ministra Gleisi Hoffmann (Portal do Governo do Estado).
O encontro foi extraordinariamente bem sucedido e tratou-se de um fato inédito no Paraná.
A Ministra Ideli Salvati dirigiu-se aos prefeitos e secretários municipais presentes afirmando que a presença do Governo Federal no Paraná tinha finalidade de atender os municípios e que eventuais erros, equívocos formais e quaisquer outros contratempos nos projetos apresentados pelos municípios para captar os recursos disponibilizados pela esfera federal seriam relevados e corrigidos para que todos pudessem ser atendidos e a presença dos ministros tinham exatamente essa finalidade.
O número de prefeitos presentes surpreendeu todas as expectativas e representou que os municípios efetivamente estão interessados nas parcerias oferecidas pelo Governo Federal.
Os organizadores ficaram surpreendidos pela quantidade de municípios presentes.
Na raia política os analistas registraram que foi uma demonstração de muita força política do Governo Federal no Paraná, um estado sempre refratário ao PT e que nas últimas eleições para o Senado Federal, com a eleição de Gleisi, e na Prefeitura de Curitiba, onde o PT esteve aliado com Gustavo Fruet, tem demonstrado que o partido tem tido mais aceitação do eleitorado paranaense.
Sinal que Beto Richa terá adversário forte na oposição.

Leia o que o Blog postou sobre o tema:

ENCONTRO DE PREFEITOS E GOVERNO DILMA NO PARANÁ

Um grande encontro de prefeitos parananenses com o Governo Dilma acontecerá no dia 17 de maio, às 8h, no Expotrade, em Pinhais.
Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Paulo Bernardo (Comunicação) e Giberto Carvalho (Secretaria Geral da Presidência), Alexandre Padilha (Saúde), Ideli Salvatti (Relações Institucionais), Miriam Belchior (Planejamento), Fernando Coelho (Integração), Aguinaldo Ribeiro (Cidades) e Gastão Dias Vieira (Turismo) estarão presentes e trarão juntos uma grande quantidade de assessores.
É aguardado o anúncio da chegada de dinheiro federal no Paraná.

AGORA TUCANOS ACUSAM SORVOS DE BEIJA-MÃO PARA GLEISI

Nem bem passaram-se 30 dias da posse de Luiz Sorvos (PDT) ao cargo de Presidente da AMP (Associação dos Municípios do Paraná) a relação com o Governador Beto Richa foi da euforia à decepção.
Sorvos, pelo seu lado, deve ter adotado a tática do “um no cravo e outro na ferradura”.
Depois de se desmanchar em elogios pelos R$ 282 milhões, a fundo perdido, oferecidos pelo governador Beto Richa (PSDB) aos prefeitos, Luiz Sorvos, prefeito de Nova Olímpia e ungido presidente da AMP (Associação dos Municípios do Paraná) pela base do Governador, organiza agora um grande encontro dos prefeitos com os ministros de Dilma.
O encontro será no dia 17 de maio, às 8h, no Expotrade, em Pinhais.
Entre os presentes, os ministros paranaenses do PT: Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Paulo Bernardo (Comunicação) e Giberto Carvalho (Secretaria Geral da Presidência).
De lambuja também participam Alexandre Padilha (Saúde), Ideli Salvatti (Relações Institucionais), Miriam Belchior (Planejamento), Fernando Coelho (Integração), Aguinaldo Ribeiro (Cidades) e Gastão Dias Vieira (Turismo).
Poucas vezes de vê tanto ministro do Governo Federal num lugar só e também tanta razão para dor de cabeça num governador só, pois a suposta ausência de verbas do governo federal no Paraná tornou-se um dos motes dos discursos de Beto.
Obviamente agora os ministros estão vindo anunciar verbas para os Prefeitos do Paraná, numa espécie de “bateu levou” com Richa.
Beto vai experimentando o lado “biruta de aeroporto” que todo prefeito de cidade pequena tem, está sempre virado para onde o vento e mais generoso.