CINE OURO VERDE EM LONDRINA SERÁ RESTAURADO

O governador Beto Richa assinou nesta quarta-feira (21/08), no Palácio Iguaçu, o edital de licitação para a reconstrução do Cine-Teatro Ouro Verde, em Londrina, destruído por um incêndio em fevereiro de 2012. A assinatura do documento foi acompanhada pela reitora da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Nádina Moreno. O prédio é tombado pelo Patrimônio Histórico Estadual. Foto: Universidade Estadual de Londrina

 

O governador Beto Richa assinou nesta quarta-feira (21/08), no Palácio Iguaçu, o edital de licitação para a reconstrução do Cine-Teatro Ouro Verde, em Londrina, destruído por um incêndio em fevereiro de 2012. A assinatura do documento foi acompanhada pela reitora da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Nádina Moreno. O prédio é tombado pelo Patrimônio Histórico Estadual.

A obra está orçada em R$ 16 milhões, que serão liberados pelo governo estadual por meio da Unidade Gestora do Fundo Paraná, ligada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Depois de iniciada a reconstrução, o prazo para conclusão do prédio é de 18 meses.

Patrimônio arquitetônico de Londrina, o Ouro Verde foi inaugurado em 1952 e adquirido pela UEL em 1978. “Essa é uma demonstração de respeito à história e cultura do povo paranaense. Não medimos esforços para que a reconstrução do Teatro Ouro Verde, que representa muito para nós, fosse concretizada o quanto antes”, disse o governador. Richa lembrou que quando era criança por diversas vezes foi ao teatro pela escola (Site Governo).

23.06.2013

BETO RICHA ANUNCIA RECONSTRUÇÃO DO CINE OURO VERDE EM LONDRINA

Em Londrina, o governador Beto Richa lançou a licitação para a reconstrução do Cine Teatro Ouro Verde, destruído num incêndio em fevereiro de 2012. “Governo do Estado prioriza e valoriza a cultura. O Cine Teatro Ouro Verde é parte da história de Londrina, em especial dos pioneiros que desbravaram fronteiras agrícolas. É importante preservar a memória de um período tão importante para o desenvolvimento econômico e social de Londrina”, disse Richa.

Patrimônio arquitetônico de Londrina, o prédio foi projetado por Vilanova Artigas, inaugurado em 1952 e adquirido pela UEL em 1978. “É uma obra emblemática e fundamental para Londrina, um patrimônio público que será reconstruído com recursos do Governo do Estado”, disse o prefeito de Londrina, Alexandre Kireef.