GOVERNO FEDERAL INVESTE 329 MILHÕES NA SANEPAR EM 13 MUNICÍPIOS

O vice-governador Flavio Arns, o presidente da Sanepar, Fernando Ghignone, e o ministro interino das Cidades, Alexandre Cordeiro, assinaram na quarta-feira (25) 16 contratos de abastecimento de água e esgotamento sanitário do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) no Paraná.

Com investimento de R$ 329 milhões, os contratos selecionados pelo Ministério das Cidades serão financiados com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e irão beneficiar 13 municípios.

Serão seis contratos de abastecimento de água, com investimentos de R$ 193,2 milhões para Maringá, Ponta Grossa, Foz do Iguaçu, Cascavel, Lapa e Londrina; e dez contratos de esgotamento sanitário, no valor de R$ 135,8 milhões para Quatro Barras, Almirante Tamandaré, Araucária, Campo do Tenente, Campo Largo, Campo Magro, Fazenda Rio Grande, Foz do Iguaçu e Ponta Grossa.

Foto: Divulgação
(Da esquerda para direita) O presidente da Sanepar, Fernando Ghignone, o ministro interino das Cidades, Alexandre Cordeiro, o vice-governador do Paraná, Flavio Arns, o superintendente regional da Caixa, Arielson Bittencourt e o diretor de Investimentos da Sanepar, João Martinho Cleto Reis Junior

 

Os projetos da Sanepar que foram contemplados com financiamentos pelo Ministério das Cidades receberão recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e terão uma contrapartida da empresa de R$ 26,131 milhões.

Para o vice-governador do Paraná, Flavio Arns, a importância destes contratos vai além dos benefícios que traz para a saúde e para o bem-estar da população,  promovendo o desenvolvimento da economia e gerando novos empregos.

Veja quais municípios serão contemplados com investimentos em sistemas de abastecimento de água, que somam R$ 193,246 milhões:

–    Cascavel – R$ 71,736 milhões
–    Foz do Iguaçu – R$ 34,466 milhões
–    Lapa – R$ 4,680 milhões
–    Londrina – R$ 15,364 milhões
–    Maringá – R$ 12,350 milhões e
–    Ponta Grossa – R$ 54,650 milhões.

Os investimentos para os sistemas de esgotamento sanitário, no valor de R$ 135,847 milhões, irão beneficiar os seguintes municípios:

–    Almirante Tamandaré – R$ 10,819 milhões
–    Araucária – R$ 24,940 milhões
–    Campo do Tenente – R$ 8,185 milhões
–    Campo Largo – R$ 16,121 milhões
–    Campo Magro – R$ 4,814 milhões
–    Fazenda Rio Grande  – R$ 22,944 milhões
–    Foz do Iguaçu – R$ 26,478 milhões
–    Ponta Grossa – R$ 19,500 milhões
–    Quatro Barras – R$ 2,043 milhões.

(Agência Estadual de Notícias)