R$ 344 MILHÕES: BETO RICHA DESTACA PARCERIA E INVESTIMENTOS FEDERAIS NO PARANÁ

R$ 344 milhões representam o volume de recursos federais que a rainha Dilma autorizou para serem aplicados em rodovias federais no Paraná.

Governador Beto Richa recebe a presidente Dilma Rousseff, durante evento em Campo Mourão, e destaca a parceria do Estado com o governo federal para construção de moradias. Campo Mourão, 04/10/2013. Foto: Ricardo Almeida/ANPr

O governador ressaltou os resultados do trabalho em conjunto na área habitacional. Dilma esteve em Campo Mourão nesta sexta-feira (4)

(foto: Agência Brasil)

Também autorizou o financiamento do Banco do Brasil para 16 armazéns de cooperativa.

Dilma ainda disse que tem um encontro marcado para a inauguração do Contorno Norte, em Maringá, obra do Governo Federal.

A presidente também destacou o chamado o programa que fornece uma motoniveladora, uma retroescavadeira e um caminhão caçamba para a manutenção de estradas vicinais do Estado, afirmando que “92% dos municípios do Paraná vão receber equipamentos (kit) para estradas.”

A presidente ressaltou que o governo federal tem compromisso com o desenvolvimento do Paraná. “O Paraná é talvez uma das maiores reservas alimentícias do mundo. Temos de ajudar o Estado a estruturar a produção de alimentos.”

Governo

Richa recebe Dilma Rousseff e pede reforço nas parcerias

04/10/2013 16:33

(foto: Arnaldo Alves/ANPr/Divulgação)

O governador Beto Richa afirmou nesta sexta-feira (4), ao receber a presidente Dilma Rousseff, em Campo Mourão, no Noroeste do Estado, que as parcerias entre todas as instâncias de governo são fundamentais para a população e devem ser reforçadas. “É isso o que a população espera de seus governantes, que trabalhemos juntos para melhorar a vida pessoas”, disse.O governador destacou a parceria do Estado com o governo federal para construção de moradias. “Estamos fazendo uma revolução na área habitacional do Paraná, com o maior programa de moradias em andamento no Brasil. Afirmo e reconheço a sólida parceria nessa área”, afirmou Richa.“Temos construção de moradias em todos os municípios do Paraná, com imprescindível parceria da Caixa Econômica Federal, dentro do programa Minha Casa Minha Vida. Fomos eleitos para isso, para trabalhar sem picuinhas políticas. Nunca pergunto ao prefeito qual é o seu partido”, afirmou Beto Richa.

O governador disse ainda que doação de maquinário feita pelo governo federal para as prefeituras paranaenses complementa o programa Patrulhas do Campo, que é executado pelo Estado em conjunto com os municípios. “O Paraná possui 110 mil quilômetros de estradas vicinais e essa doação vai contribuir para melhorar o escoamento da safra e o transporte escolar”, disse ele.

O programa estadual disponibiliza conjuntos de equipamentos rodoviários para municípios reunidos em consórcios, para modernização e adequação das estradas rurais. “Há mais de 20 anos o governo estadual não comprava maquinários para adequação e recuperação de estradas rurais”, disse ele.

ESTRADAS FEDERAIS – A presidente Dilma Rousseff autorizou o início das obras de pavimentação BR-158 (Estrada Velha de Roncador), entre Campo Mourão e Palmital (investimento de R$ 280 milhões) e pavimentação em 18 quilômetros BR-484 (conhecida como Boiadeira), no trecho entre nova Brasília e Tuneiras (investimento de R$ 64 milhões). “São investimentos importantes para a região Noroeste que irão contribuir para o desenvolvimento econômico e social de todo o Paraná”, disse Richa.

Dilma também fez a entrega de 179 máquinas (retroescavadeira, motoniveladoras e caminhões caçambas para 154 municípios com menos de 50 mil habitantes. “Fizemos esse programa para que os prefeitos possam ter autonomia, usar seus conhecimentos para melhorar as estradas e garantir que a população tenha a garantia de transitar com segurança. As estradas vicinais são verdadeiras veias por onde circulam a riqueza”, disse a presidente.

Na solenidade, a Coamo e dois produtores rurais paranaenses assinaram com o Banco do Brasil dois protocolos para implantação de armazéns, dentro de um programa pelo qual o governo federal procura resolver um dos grandes gargalos da infraestrutura para agricultura, que é a déficit de armazenagem.

Participaram da solenidade os ministros Gilberto Vargas (Desenvolvimento Agrário), Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Cesar Borges (Transportes), Paulo Bernardo (Comunicações); os secretários estaduais Reinhold Stephanes (Casa Civil), José Richa Filho (Infraestrutura e Logística), Norberto Ortigara (Agricultura); o vice-presidente do Banco do Brasil, Osmar Dias; senadores, deputados e prefeitos de diversos municípios paranaenses

Saiba mais sobre o trabalho do governo do Estado em: www.facebook.com/governopr ewww.pr.gov.br  (Agência de Notícias).