DILMA ANUNCIA QUE FARÁ SUBSTITUIÇÕES DE MINISTROS QUE SAÍREM NO “INÍCIO DO ANO”

A rainha Dilma Rousseff revelou que fará substituições no primeiro escalão do governo no início do ano. As mudanças na sua equipe ocorrerão na medida em que ministros decidam deixar o governo para concorrer às eleições de 2014. A declaração foi feita em rápida entrevista aos repórteres que a acompanham na visita oficial ao Peru.

Não ficou claro o que Dilma considera “início do ano” (pode ser janeiro, fevereiro ou março) e que a saída do ministro depende da decisão de candidatar-se (é razoável que tais decisões fiquem para ser assumidas até março, pois ir cedo para a vitrine das candidaturas pode ser prejudicial para o candidato).

Ao ser perguntada se, na virada do ano, haveria a possibilidade de alguns ministros deixarem o governo, a presidenta respondeu que é “muito possível”. Ela negou que pretenda substituir os ministros demissionários, no último ano de mandato, por seus respectivos secretários executivos. “Eu vou fazer substituições”, disse Dilma encerrando a entrevista (Agência Brasil).