PSDB CAI NO CANTO DA MACROAXIS E PAULO HENRIQUE AMORIN FAZ CHACOTA SOBRE FALÊNCIA DA PETROBRÁS

Quando alguns dizem que Dilma vai ganhar por falta de opção, que a oposição está sem discurso, propostas e rumo, sempre digo que no Brasil tudo pode acontecer na seara política e nada está definido até que se defina.

Mas também tenho que admitir que a oposição vem se esforçando para valorizar o juízo que alguns vêm fazendo dela.

Li na coluna do Paulo Henrique Amorin que o PSDB tinha veiculado no seu Site que uma consultoria estava faticinando que a Petrobrás poderia falir em dois anos. Que uma dessas consultorias escreva e publique bobagens não é surpresa, eis que orientadas por todo tipo de interesse e algumas inteiramente irresponsáveis mesmo, mas não achei crível que o PSDB pudesse ter caído nessa. Fui conferir e, de fato, está lá no Site do PSDB o “palpite” da tal consultoria de que a Petrobrás pode quebrar em dois anos.

De fato, a consultoria norte-americana Macroaxis tem uma estimativa apontando que a probabilidade da Petrobras falir é de 32,4% em dois anos, mais elevada que a média do setor, segundo o tal estudo. A mídia toda pulou dentro da cantilena da Macroaxis.

Então será a primeira fez na história do Brasil que o Estado brasileiro permitirá que uma empresa estatal vá a falência. Já vimos empresas estatais serem entregues generosamente para a iniciativa privada. Mas empresa que pertence ao Estado também pode falir? Na prática, não sabemos. Nunca vimos.

Não bastasse isso, logo a nossa petroleira, uma das empresas estatais mais ricas do mundo, noiva queridíssima de qualquer grupo econômico privado do mundo.

E não é que o Senador Álvaro Dias, político inteligente e rodado, caiu na pegada? Veja:

Petrobras afunda : empresa tem 32% de probabilidade de falir nos próximos dois anos http://www.alvarodias.com.br/2013/12/petrobras-de-acordo-com-agencia-de-investimentos-americana-empresa-tem-32-de-probabilidade-de-falir-nos-proximos-dois-anos/ … via

É, sem dúvida, a piada do ano. E os tucanos caírem nessa também é motivo de muito riso.

 

Veja o texto do Site do PSDB:

Petrobras: Estudo de consultoria indica que probabilidade de falir é de 32%, em dois anos

12 de dezembro de 2013

petrobras-sede1-foto-divulgacao-1

Brasília – A consultoria norte-americana Macroaxis divulgou um estudo, cuja estimativa é mais elevada do que a média do setor, que indica que a probabilidade de a Petrobras de falir é de 32,4%, em dois anos, segundo o site G1.

O presidente do PSDB de São Paulo, deputado federal Duarte Nogueira, alertou nesta quinta-feira (12) que a ameaça é causada pela má gestão da estatal.“A Petrobras é hoje a empresa não financeira mais endividada do planeta”, ressaltou. “Passou por um desarranjo no período [do presidente Sérgio Gabrielli] e agora tenta recuperar o prejuízo”, acrescentou.

Duarte Nogueira lembrou ainda que o prejuízo causado pela má gestão recai no bolso dos acionistas. “O acionista que colocou R$ 1 mil em ações agora tem 40% a menos”, afirmou.“O que a gente espera é que essa previsão da consultoria norte-americana não aconteça. A expectativa, embora eu considere difícil, é ocorra a recuperação.”

Cálculo 

O cálculo é baseado em um algorítimo criado pela Macroaxis e pode ser usado por auditores, contadores, gerentes financeiros e consultores financeiros para avaliar o risco não sistemático de uma ação.

Em outubro, a agência de risco Moody’s rebaixou a nota da Petrobras de “A3″ para “Baa1″, tirando a empresa na escala de grau de investimento e baixo risco para a de qualidade média.

A Moody’s diz que a dívida total da companhia aumentou no primeiro semestre de 2013 em US$ 16,3 bilhões, ou US$ 8,3 bilhões pela quantia líquida de caixa e títulos negociáveis,  e deverá aumentar novamente em 2014, com base em uma perspectiva negativa para o fluxo de caixa ao longo de 2014 e em 2015.

Parece que o PSDB quis aproveitar a bobagem da Macroaxis para desgastar o governo e vai acabar sendo usado para atender aos objetivos e interesses dos consultores norte-americanos na área do petróleo sem nem saber ao certo quais são.

 

Agora veja o pau do Amorin no PSDB:

Publicado em 12/12/2013

TIJOLAÇO DESMASCARA
“CONSULTOR” DO PIG

“Boa parte dos sites de economia está publicando a asneira do ano e, claro, o PSDB foi atrás e tascou no seu site”

Conversa Afiada reproduz artigo de Fernando Brito, extraído do Tijolaço:

MÍDIA E PSDB NOTICIAM: PETROBRAS TEM “32% DE CHANCES DE FALIR”. É? ENTÃO A VALE TEM 59%. QUE BURROS!


A irresponsabilidade da imprensa para com a Petrobras só não é maior que seu ódio pela empresa.

E, acabo me convencendo, que a sua burrice e despreparo.

Boa parte dos sites de economia está publicando a asneira do ano e, claro, o PSDB, idiota, foi atrás e tascou no seu site.

É a notícia de que a Petrobras tem 32% de chances de falir nos próximos dois anos, segundo “um estudo” da consultoria Macroaxis.

Não há estudo algum, seus patetas!

A Macroaxis é apenas um site de “cálculos de investimento” automatizado, que pega dados financeiros brutos, aplica uma fórmula e “tira conclusões”. Uma “maquininha” de previsões que pega o sobe e desce das ações e projeta mecanicamente.

E chega a conclusões, obviamente, burras.

Menos burras, claro, que quem as divulga dessa forma.

A história é a seguinte:

Há um brasileiro que “contribui” com a Forbes, como centenas que escrevem em seu site. Antunes, um “famous who”, que se divertiu ano passado fazendo um texto sobre as possibilidades de Neymar, gastando demais, falir.

Este ano, descobriu o site Macroaxis e foi buscar entretenimento calculando as possibilidades de falência da Petrobras, certo de que bater na estatal brasileira é porta de entrada escancarada para obter espaço na mídia.

E os “complexo de vira-lata” copiam tudo o que sai na Forbes…

Bom, este modesto blogueiro aqui, descobrindo como foi feito o tal “estudo da consultoria Macroaxis”, pensou, simplório como é: pau que dá em Chico, dá em Francisco.

Inscreveu-se no site e pediu para calcular as possibilidades de a Vale, maior mineradora do mundo,  falir.

Não deu outra: 59% de chances de falência nos próximos dois anos! Está lá em cima a imagem e o amigo e a amiga podem fazer os cálculos na página brincadeirinha financeira, que nem sequer o nome da equipe ou dos dirigentes da “empresa” traz.

Que ridículo!

E que imbecis os meus colegas de profissão que dão “notícias” baseados numa baboseira destas.

Tomara que nenhum chefe de família que tenha posto um dinheirinho em ações da Petrobras, ao ler, tenha saído correndo para vender.

Estes palhaços fazem isso com a maior empresa brasileira, responsável pela extração do mar de riquezas que a providência nos deu no pré-sal.

E se dizem jornalistas de economia. Ah, e os tucanos, gente que entende de negócios.

Palermas.