DATA FOLHA: DILMA CRESCE 6% NA EXPONTÂNEA E READQUIRE CONDIÇÕES DE VENCER NO PRIMEIRO TURNO

O novo levantamento do Datafolha, publicada pela Folha de S. Paulo, acusa que a Presidente Dilma Rousseff  parou de cair e subiu 1 ponto percentual, indo de 34% para 38% das preferências do eleitorado.

Aécio Neves subiu 1% e ficou com 20% e Eduardo Campos subiu 2% e ficou com 9%. Pastor Everaldo Pereira (PSC) ficou com 4% e José Maria (PSTU) com 2%. Os demais candidatos ficaram com 1% ou não pontuaram.

Dilma tem 38%, Aécio, 20%, e Campos, 9%, diz pesquisa Datafolha (Editoria de Arte/G1)

Em comparação com a sondagem anterior do mesmo Datafolha, de 6 de junho, Dilma cresceu quatro pontos percentuais, Aécio um ponto e Campos dois pontos percentuais.

Importante salientar que na pesquisa expontânea Dilma foi de 19% para 25%.

Com essa nova tendência Dilma readquire condições de ganhar a eleição ainda no primeiro turno.

O Datafolha ouviu 2.857 eleitores em 177 municípios e a margem de erro é de 2%, sendo a taxa de confiança de 95%. O registro no TSE é Br 00194/2014.